quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A Flor em Busca do Equilibrio

Devido as ultimas experiências que ocorreram
A flor adquiriu uma nova percepção sobre as coisas
Ela percebeu que sua vida foi feita de comportamentos
muito extremos, e agora se percebe muitas vezes
indo para o comportamento extremo oposto

Antes ela nunca se expunha
agora está se exponde demais
antes ela nunca dava sua opinião
agora ela não está apenas dando
mas exigindo que ela seja aceita

A flor percebe que a troca dos extremos
a deixou tão insatisfeita quanto o extremo oposto
então ela faz uma descoberta importante

A flor descobre que é preciso equilíbrio
é preciso saber a hora de falar
é preciso saber a hora de ficar em silêncio
Existem momentos e lugares em que podemos nos expor
existem momentos e lugares onde não podemos

E assim a flor seguirá sua vida de agora em diante
buscando agir ou não agir com equilíbrio.

Um comentário:

  1. Só completando:

    "Viver é como andar de bicicleta:É preciso estar em constante movimento para manter o equilíbrio"

    Albert Einstein

    ResponderExcluir